Notícias

Mercados

2021 foi ano de recordes para os fabricantes alemães

27/12/2021

As vendas de tratores e outras máquinas agrícolas fabricadas na Alemanha aumentaram 14% em 2021, ultrapassando os 10 mil milhões de euros pela primeira vez. Para Bernd Scherer, diretor da Associação Alemã de Máquinas Agrícolas (VDMA), o atual recorde está assente em dois pilares essenciais: “O primeiro é o ímpeto inovador desta indústria. Já o segundo está relacionado com os excelentes preços praticados pelo produtor, os quais geram significativos ganhos para os agricultores.”

Um inquérito recente da VDMA feito aos principais gestores da indústria de maquinaria agrícola europeia indicou que este crescimento estende-se a quase todos os mercados globais e parece destinado a prolongar-se no próximo ano. "As fábricas funcionam agora a toda velocidade e a carteira de pedidos na indústria corresponde a um período de produção de quase seis meses”, acrescenta Scherer, confirmando depois que a China tem sido a exceção deste crescimento, ainda que a perspetiva a curto prazo seja animadora: "Os nossos analistas esperam enormes efeitos de recuperação em 2022, especialmente no leste da Ásia, combinados com uma forte expansão de crescimento ao longo do ano.”

A VDMA prevê que a tendência de crescimento continue em 2022 nos principais mercados de máquinas agrícolas estabelecidos nos EUA, Japão e Europa. Pese embora o ano recorde para os fabricantes alemães, existe ainda um grão nesta engrenagem de crescimento: o atual funil de oferta e procura de produto, nomeadamente o alto custo das matérias-primas e as dificuldades verificadas no cumprimento dos prazos de entrega que ainda se têm verificado.

Pesquisa

Vídeos mais vistos