Notícias

Mercados

Dezembro de crescimento mas efeito funil da oferta e da procura continua

22/12/2021

A escassez de oferta no mercado das máquinas agrícolas continua a colocar um cenário difícil, com os aumentos desmesurados dos preços das matérias-primas e atrasos nas entregas a persistirem. A procura, pelo contrário, continua elevada, o que cria uma imagem semelhante a um funil. No entanto, o mês de dezembro veio, de certa forma, colocar um travão na tendência negativa que se vinha verificando no Índice de Clima de Negócio CEMA nos últimos seis meses.

Este mês, o índice subiu para 56 pontos positivos [ver quadro abaixo], numa escala que vai de -100 a +100, deixando implícita uma perspetiva de crescimento para 2022.  Recorde-se que o Índice de Clima de Negócio é feito com base no Barómetro CEMA, um questionário mensal realizado dentro da indústria europeia de máquinas agrícolas.

 

 

Pese embora esta inversão de rumo em dezembro, os aumentos de preços e a escassez de produto por parte dos fornecedores continuam a desafiar a indústria neste momento. "Mais uma vez, quase metade das empresas não coloca de parte uma possível interrupção temporária da produção devido à escassez de certas peças nas próximas 4 semanas. Dessa forma, o crescimento deverá ser adiado para o próximo ano. O volume de pedidos encontra-se num nível recorde e o sentimento geral do mercado ainda é positivo por enquanto", como pode ler-se no site da CEMA.

O Barómetro CEMA revelou ainda um aumento na confiança dos representantes do mercado europeu de máquinas agrícolas para 2022: preveem entre 5% a 7% de aumento de faturação nas respetivas empresas.

Pesquisa

Vídeos mais vistos