Notícias

Tecnologia

Vem aí um pulverizador autónomo para pomares

16/05/2019

Na língua inglesa, GUSS é a sigla que sintetiza o nome deste veículo: ‘Sistema Global Não Tripulado para Pulverização’. E GUSS é também a marca comercial que o identifica. Fazendo uso de uma combinação de sensores, condução automática por GPS, laser para deteção de obstáculos e software de monitorização, este veículo permite fazer a aplicação de tratamentos em pomares de forma mais segura para as pessoas envolvidas no processo.

Opera de forma autónoma, sendo monitorizado remotamente através de um software dedicado. Uma única pessoa pode acompanhar o funcionamento de dez pulverizadores GUSS a trabalharem em diferentes localizações.

Propulsionado por um bloco Cummins de 6 cilindros com 173 cv de potência e 6,7 litros de capacidade, o veículo possui tração às 4 rodas e ambos os eixos são direcionais para agilizar as manobras de reentrada nas linhas. Com uma estrutura de baixo perfil, pode avançar inclusivamente sob copas baixas.

Entre outras funcionalidades, está programado para antever a necessidade de regressar ao ponto de reabastecimento. Além disso, à medida que vai progredindo numa parcela um mapa virtual vai sendo preenchido. O aparelho não voltará a zonas já tratadas.

O desenvolvimento do GUSS teve início em 2015. Por agora apenas existem sete unidades de pré-produção. Estas estão a ser utilizadas pela CFS como parte integrante da sua frota de máquinas dedicadas à prestação de serviços.

Atualmente, a empresa está a modernizar as suas instalações em Kingsburg, na Califórnia. O investimento visa dar resposta às encomendas provenientes tanto do mercado doméstico como do exterior.

A empresa responsável pelo desenvolvimento do GUSS é a CFS (Crinklaw Farm Services Inc), com sede na Califórnia. Fundada em 1982, tem concentrado a sua atividade como alugador, prestando diversos serviços agrícolas, incluindo a pulverização. O processo inventivo aplicado a máquinas teve início mais tarde por iniciativa de David Crinklaw, o gerente da empresa.

Entre outras soluções, a CFS desenvolveu o Sistema de Pulverização Tree-See. Baseado em sensores que continuamente detetam a presença de árvores e os espaços vazios no entremeio, o Tree-See permite pulverizar apenas à passagem pela copa da árvore, interrompendo a aplicação nos intervalos entre árvores.

Pesquisa

Publicidade


Vídeos mais vistos

RECEBA A NOSSA NEWSLETTER
SIGA-NOS
Rua Nelson Pereira Neves, Lj 1 e 2
2670-338 Loures - Portugal
abolsamia@abolsamia.pt
T (+ 351) 219 830 130
abolsamia, 2019 © Todos os direitos reservados | Avisos Legais | Política de privacidade