Notícias

Floresta

Undercork contesta promoção de produtos químicos para combater cobrilha da cortiça

19/07/2021

O Projeto Undercork contestou publicamente o facto de existirem empresas do mercado nacional a promover a ideia de que a aplicação de produtos químicos é uma ação eficaz no combate à cobrilha da cortiça. E fez questão de tornar pública a sua visão sobre este tema, "de modo a possibilitar aos produtores florestais uma decisão consciente sobre a sua gestão". "À luz do conhecimento atual, não existe nenhum tratamento químico ou biológico, quer a nível nacional quer internacional, que seja eficaz no combate à cobrilha da cortiça", pode ler-se no comunicado enviado pelo Grupo Operacional que faz a gestão integrada da cobrilha da cortiça.

Além disso, o grupo Undercork lembra que "a aplicação de qualquer produto químico carece de homologação da DGAV – Direção Geral de Agricultura e Veterinária, não estando nenhum produto homologado (nem em vias de homologação) para este efeito."  

"As larvas de cobrilha morrem aquando do descortiçamento, sendo desnecessária a aplicação de inseticidas ou afins para se atingir este objetivo aquando da extração. As condições que precisam para o seu desenvolvimento são muito específicas, e uma vez expostas morrem sem completar o seu ciclo de vida, quer na árvore, quer nas pranchas de cortiça que foram extraídas, ou seja, não chegam a insetos adultos e não fazem novas posturas", explicou ainda o Undercork, cuja região de intervenção é na Chamusca, Santarém. 

Revelando que se desconhece ainda "a forma como os insetos adultos da cobrilha selecionam os sobreiros para atacar", a verdade é que afirma que " as árvores recém extraídas são as menos interessantes para a realização das posturas de cobrilha, uma vez que ainda não reúnem condições para o desenvolvimento da larva (que se alimenta na camada geradora de nova cortiça) e necessita das camadas externas de cortiça para se proteger."

 

Aproveite a nossa promoção e assine a revista por apenas 20€.
Válida até 20 de julho 2021.

Pesquisa

Vídeos mais vistos