Notícias

Tractor of the Year®

Tractor of the Year® 2019, de volta à competição com 10 finalistas

05/08/2018

 

VOTE NOS 10 FINALISTAS
A Revista abolsamia, através duma sondagem, pretende recolher a opinião dos leitores em relação aos modelos concorrentes.
Participe votando aqui.

 

Nos dias 28 e 29 de maio estivemos em Bolonha, onde, como membros do júri deste prestigiado prémio internacional, participámos no evento inaugural ‘Let the Challenge Begin’. Como definem as regras, nesta fase inicial os fabricantes propuseram os seus modelos, ainda que no presente ano o lote de tratores seja em menor número do que tem sido habitual.

As ainda recentes atualizações feitas pelas marcas para cumprirem as normas de emissões poluentes, e a expectativa de novos lançamentos em 2019 a coincidirem com a Agritechnica, são as principais razões apontadas para uma edição do TOTY que desta vez tem a bordo dez nomeados e onde é notada a ausência de alguns fabricantes.
Ainda assim, não deixará de ser uma edição competitiva. Nos próximos meses, a competição passará por uma fase de experimentação dos tratores em campo. Depois, cada um dos 25 membros do júri fará a sua avaliação modelo a modelo, baseada em parâmetros predefinidos para cada categoria.

A etapa final está marcada para novembro. Na EIMA, em Bolonha, serão conhecidos os vencedores e será feita a entrega dos quatro prémios referentes às categorias em disputa.

 

Campo Aberto

Case IH Maxxum 145 Multicontroller
O modelo de topo dos Maxxum de 4 cilindros é propulsionado por um bloco FPT Tier 4F de 4,5 litros, o qual debita 145 cv de potência nominal e 175 cv de potência máxima com boost. Dispõe de uma transmissão de dupla embraiagem ActiveDrive 8, em configuração powershift robotizada de 24 velocidades, que permite alcançar os 53 km/h. Este trator de média potência pode ser configurado com todo o pack de tecnologia que encontramos nas séries superiores da Case IH. É compatível com ISOBUS de classe III e disponibiliza ao operador um interessante nível de personalização, designadamente para programação das sequências nas cabeceiras e tipo de resposta da transmissão.

 

McCormick X7.690 P6-Drive
A série X7.6 P6-Drive expandiu-se com a chegada de um quinto modelo de maior potência.  
Este novo X7.690 equipa com um motor Beta Power Tier 4F (fornecido pela FPT) de 6 cilindros, com 6,7 litros, que fornece 225 cv de potência máxima com boost. Pode inclui a funcionalidade de travão motor, acionada através de um pedal dedicado.  A transmissão é uma powershift robotizada 30/15 fornecida pela ZF. Permite definir o intervalo de regime a que o operador pretende que a passagem de caixa em modo automático seja feita. Os clientes podem optar por uma cabine em versão Efficient, mais sóbria em equipamento, ou pela versão Premium, com apoio de braço e monitor tátil. O eixo dianteiro com suspensão independente é um opcional.

 

Zetor Forterra HSX 140
Os Forterra são tratores emblemáticos na gama do fabricante checo e têm conti nuamente vindo a ser alvo de melhorias técnicas. Considerando a versão intermédia Forterra HSX (existem os Forterra CL e Forterra HD), o modelo 140 é o modelo mais potente, estando equipado com um motor de 4 cilindros Tier 4F fabricado pela Zetor. A cilindrada é de 4,2 litros e a potência chega aos 136 cv. A caixa é uma 30/30 que dispõe de inversor eletro-hidráulico e passagem automática dos três níveis de powershift. Permite uma velocidade de 40 km/h a um regime económico de 1750 rpm. Entre os opcionais, a Zetor fornece um eixo dianteiro de origem Carraro com suspensão independente a cada roda, bem como o elevador hidráulico frontal.

 

Melhor Utilitário

Case IH Farmall 75A
É o modelo mais potente dos Farmall A, uma série de utilitários compactos destinados a explorações de pequena e média dimensão. A nível de propulsão, os 75 cv de potência são fornecidos por um bloco FPT de 3 cilindros com 2,9 litros de cilindrada. No que respeita à caixa, trata-se de uma 12/12 com inversor eletro-hidráulico e velocidade de 40 km/h. Este trator pode ser configurado de fábrica com pré-instalação para carregador frontal.

 

Fendt 313 Vario
A série 300 Vario tem um lugar bem definido na gama da Fendt, com o 313 Vario a ocupar o lugar cimeiro.
De origem Agco Power, o motor é um 4 cilindros com 4,4 litros que fornece uma potência máxima de 142 cv. É assistido pela conhecida transmissão Vario, para uma velocidade de 40 km/h. À atual geração (Tier 4F), a marca adicionou o nível de especificações Profi Plus e também a possibilidade de o cliente encomendar a condução automática VarioGuide. Num segmento onde o trabalho com carregador frontal é incontornável, a Fendt inclui no monitor a possibilidade de programar diversas funções deste equipamento. Uma delas permite definir uma altura limite de elevação. 

 

Massey Ferguson 6713
É o modelo mais potente da série Global, estando a propulsão a cargo de um motor Agco Power de 4 cilindros, com 4,4 litros, que disponibiliza uma potência máxima de 130 cv. A transmissão é uma 12/12 sincronizada, com seis velocidades repartidas por duas gamas, preparada para uma velocidade máxima de 40 km/h. O inversor é eletro-hidráulico e possui ajuste de sensibilidade. Para os clientes que trabalham com carregador frontal, a MF propõe uma cabine com abertura superior Visio Roof, para melhor visibilidade ao manobrar cargas em altura.

 

Steyr 4115 Kompakt HD
É o modelo de topo da série Kompakt. Nesta variante HD, possui eixos reforçados, o que permite o trabalho com alfaias mais pesadas e uma carga admissível até 6500 kg. O bloco FPT de 4 cilindros e 3,4 litros com que está equipado fornece 114 cv de potência. Já a transmissão é uma 24/24 com inversor eletro-hidráulico, capaz de alcançar os 40 km/h. Pode ser configurado com um elevador dianteiro de controlo eletrónico (EFH). Este extra é especialmente útil para trabalhar com uma gadanheira frontal e transferir parcialmente o peso da alfaia para as rodas, para uma melhor adequação ao relevo do terreno.

 

Melhor Especializado

Antonio Carraro TTR 7600 Infinity

O TTR 7600 é um isodiamétrico, largo e com um baixo centro de gravidade, que foi especialmente pensado para a fenação em regiões declivosas. Posicionado a meio da gama TTR, no patamar dos 75 cv, conta com um motor Kohler de 4 cilindros, com 2,4 litros de cilindrada e ventoinha reversível. Com o lançamento deste modelo Infinity, a série TTR passa a estar disponível com transmissão hidrostática, o que representa uma vantagem a nível de desempenho mas também em termos de habitabilidade na cabine, com um túnel central agora mais desimpedido. O posto de condução é reversível e o elevador frontal está entre os opcionais fornecidos pela marca italiana.  

 

Landini Rex 4-120 GT
O Rex 4-120 GT é o modelo mais musculado de uma série de especializados para pomares que, na variante GT (com maior largura de eixos e opção de pneus maiores), começa nos 76 cv de potência. Equipa com motor Deutz de 4 cilindros, com 2,9 litros, e 112 cv de potência máxima. A transmissão pode ir desde uma versão de base 12/12 até à versão mais evoluída 48/16. A cabine é de plataforma plana e pode contar com proteção de nível 4, com a gestão da pressurização a ser feita diretamente no painel de instrumentos. A bordo, o operador beneficia ainda de uma coluna de direção ajustável em altura e profundidade. Entre outros opcionais, a Landini propõe o elevador frontal, a suspensão no eixo dianteiro, a condução automática e o sistema de telemetria.

Same Frutteto CVT 115 S

O especializado da Same foi o primeiro modelo de entre os nomeados para Tractor of the Year® 2019 a ser testado em campo pelos membros do júri. A transmissão CVT é a cereja no topo do bolo, mas vem acompanhada de outras novidades. A propulsão do modelo testado está a cargo de um bloco FARMotion de 4 cilindros, com injeção common-rail e potência de 113 cv.A grande inovação deste modelo é a transmissão de variação contínua. Desenvolvida pela própria marca, permite alcançar os 40 km/h a um regime económico de 1650 rpm e disponibiliza três estratégias de condução: Auto, Manual e TDF. Hidráulico debita 100 L/min: neste Frutteto podem ser instalados até 9 distribuidores eletro-hidráulicos (5 atrás e 4 na frente). Além disso, a Same reforçou a performance hidráulica ao dedicar ao elevador e aos distribuidores uma bomba com sensor de carga que debita 100 L/min, estando uma segunda bomba, de 42 L/min, destinada a servir a direção. Tudo é novo nesta cabine de plataforma plana. A diferença nota-se logo no exterior, com os guarda-lamas de cor Same a definirem um pronunciado contorno entre a roda e o vidro, e com as elegantes ‘tiras’ de LED que asseguram as luzes de presença, stop e piscas.

 

Linhas de fronteira que definem as 4 categorias

À categoria principal para os tratores de Campo Aberto, concorrem os tratores convencionais cuja carga máxima admissível seja superior a 8900 kg. A categoria Melhor Utilitário está reservada aos tratores convencionais com potência acima de 70 cv, motor com nomáximo 4 cilindros, e cuja carga máxima admissível não ultrapasse os 8.900 kg.  Os tratores destinados a pomares, vinhas e zonas montanhosas enquadram-se na categoria Melhor Especializado. Ao prémio Melhor Design concorrem todos os modelos que disputam as três categorias anteriores. 

Sérvia entra para o júri 
A revista Poljoprivrednik, da Sérvia, associou-se ao Tractor of the Year. A chegada de Marija Antanaskovic alarga o júri, que passa a ser composto por 25 jornalistas.

Pesquisa

Publicidade


Vídeos mais vistos

RECEBA A NOSSA NEWSLETTER
SIGA-NOS
Rua Nelson Pereira Neves, Lj 1 e 2
2670-338 Loures - Portugal
abolsamia@abolsamia.pt
T (+ 351) 219 830 130
abolsamia, 2018 © Todos os direitos reservados | Avisos Legais | Política de privacidade