Notícias

Tecnologia

Resposta da John Deere à digitalização assenta na tecnologia Connected Support

11/05/2020

Em recente conferência de imprensa à distância, online, a partir do centro de operações europeias em Mannheim, na Alemanha, a John Deere fez questão de mostrar que isto anda mesmo tudo ligado, que é como quem diz, concessionários-tecnologia-operadores-máquinas.

Dizem os homens da John Deere que em todo o mundo são já 50 mil as máquinas ligadas pela tecnologia Connected Support, que a marca sublinha ser a sua resposta à digitalização na agricultura, e que vem desenvolvendo e conquistando prémios desde 2017.

Mais popular nos EUA que em qualquer outro continente, na Europa os principais pontos de contacto encontram-se no Reino Unido, França e Alemanha. E nas últimas semanas, com o agudizar da crise sanitária, tal pacote tecnológico ganhou muitas novas adesões, pois é preciso manter a máquina a trabalhar, aconteça o que acontecer.

Basicamente, e assim foi descrito pelos técnicos da marca norte-americana, o sistema de harwdare de telemática nas máquinas onde está instalado gera alertas aos peritos que se encontram nos concessionários, e são a resposta proativa a potenciais falhas das máquinas.

Uma ligação telefónica alerta o operador da máquina para algo que pode estar a acontecer, seja uma peça que está a falhar, ou alguma afinação que não está correta. O perito tem acesso remoto ao painel de informações na cabine e pode fazer os ajustes necessários. Em último caso, e para a máquina não tenha que interromper o seu trabalho, é encomendada a peça necessária, que é levada sem demora ao terreno (desde que em stock) para a sua substituição.

Na edição de julho/setembro da revista abolsamia será publicada notícia mais detalhada sobre este assunto.

Pesquisa

Publicidade


Vídeos mais vistos

RECEBA A NOSSA NEWSLETTER
SIGA-NOS
Rua Nelson Pereira Neves, Lj 1 e 2
2670-338 Loures - Portugal
abolsamia@abolsamia.pt
T (+ 351) 219 830 130
abolsamia, 2020 © Todos os direitos reservados | Avisos Legais | Política de privacidade