Notícias

Tech

Amos Power: robots elétricos para vinha e culturas em linha

24/07/2022

Os preços de lançamento estimados começam nos 185 000$ (176 000€). O modelo A3 é mais compacto e capaz de, autonomamente, cultivar e semear, destroçar, pulverizar e lavrar vinhas, por exemplo. Já o modelo A4 é maior e mais largo, com vias que podem ser configuradas para larguras entre os 137 e os 305 cm. Este detalhe faz com que seja a solução ideal para aplicações de cultivo em linha.
Com 46 cm de altura ao solo, o A4 está preparado para desafiar até os tratores utilitários compactos de topo movidos a gasóleo. Ambas as unidades oferecem autonomias de funcionamento de entre 4 e 8 horas, com um tempo de recarga de 2 horas ou menos. As potências máximas rondam os 75-85 cv e os AMOS são capazes de detetar obstáculos de forma totalmente automática, alertando o operador remoto para a sua presença e aguardando instruções sobre se devem prosseguir ou esperar que o mesmo seja removido.
Como estão equipados com algoritmos avançados de inteligência artificial e duas câmaras de última geração, os AMOS conseguem “ver, interpretar e reagir” ao que está a acontecer à sua volta, garantindo ainda uma completa autonomia na ligação dos reboques e até no mapeamento de campo.
Devido à sua conceção modular, os AMOS podem ser personalizados para se adaptarem à paisagem de todos os campos de ação e satisfazer as necessidades de qualquer operação. Além disso, também foram desenhados para operarem, em simultâneo, vários acessórios e máquinas, tudo numa única plataforma que pode ser conectada às restantes, já que, independentemente do modelo Amos que estiver a utilizar, eles ligar-se-ão entre si sem problemas.

Pesquisa

Vídeos mais vistos