Notícias

Segurança

Salvamento em acidentes com tratores agrícolas

29/05/2017

Cerca de 150 bombeiros de várias regiões do país, e do estrangeiro, estiveram no Minho para participar numa iniciativa que foi realizada por intermédio das empresas Weber Rescue Hydraulik e Interfire.
“Os Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso e a Câmara Municipal, tiveram o privilégio de colaborar na organização deste 1o Rescue Days, que visou promover a atualização de conhecimentos e treino no âmbito do salvamento e desencarceramento”, a rmou Célia Morais, membro da corporação de B.V. da Póvoa de Lanhoso.

Elevação e criação de espaço nas ações de salvamento

No que aos tratores agrícolas diz respeito, “os riscos associados à sua condução encontram grande expressão na elevada percentagem de condutores mortos e feridos graves, na sequência de despistes com capotamento”,  sublinhou Renato Marques, da Heavy Rescue Portugal, que participou no evento como formador.
À revista abolsamia este pro ssional alertou para o facto de a formação atual dos bombeiros portugueses contemplar “um conjunto de técnicas normalizadas de criação de espaço, orientadas na sua generalidade para os veículos automóveis ligeiros e pesados”, o que nem sempre se pode aplicar de igual modo nos sinistros com tratores.
“A criação de espaço com recurso a técnicas de elevação é uma lacuna existente na formação atualmente ministrada. Importa colmatar esta lacuna procurando fazer evoluir os processos de salvamento existentes com claros benefícios para as vítimas”, advertiu.

Nos acidentes em que a vítima se encontra viva, mas encarcerada debaixo do trator, o desa o que se põe às equipas de salvamento é, avançou Renato Marques, “criar espaço, em segurança, no menor período de tempo possível”.
Adiantou ainda que “os acidentes envolvendo tratores agrícolas não foram até recentemente objeto de formação dedicada”.
Por isso, desde 2014, tem vindo a promover ações de formação e treino muito focadas nestas técnicas, em cooperação com diversas corporações de bombeiros um pouco por todo o país.
“Esta formação centra-se no trabalho prático, na realidade dos cenários criados e num conjunto de ferramentas diversificado, para que os participantes constatem, por eles próprios, as vantagens e desvantagens da utilização de diferentes tipos de equipamentos, e assim melhor compreenderem a utilização das diferentes ferramentas e a evolução das diferentes técnicas” concluiu.

Pesquisa

Publicidade


Vídeos mais vistos

RECEBA A NOSSA NEWSLETTER
SIGA-NOS
Rua Nelson Pereira Neves, Lj 1 e 2
2670-338 Loures - Portugal
abolsamia@abolsamia.pt
T (+ 351) 219 830 130
abolsamia, 2018 © Todos os direitos reservados | Avisos Legais | Política de privacidade