Notícias

Tecnologia

Pulverizadores Rocha com I&D reforçado

03/06/2021

Robot para vinhas de montanha

Um exemplo deste tipo de parcerias é o Robot para vinhas de montanha que resulta do projeto Prysm, onde a Rocha e o Inesc Tec unem esforços.
Motivados pelos desafios impostos pela realidade das vinhas do Douro e tendo em consideração a necessidade de uma agricultura de maior precisão e com baixos níveis de impacto ambiental, a Pulverizador Rocha promoveu o projeto PRYSM  - PRecision Sprayer Ground Robot. Neste projeto, foi concebida de raiz uma solução robótica com capacidade de realizar tratamentos de baixo débito, 100 litros por hectare. Esta solução robótica é capaz de receber um mapa de prescrição (fornecido por um sistema de apoio à decisão) e ajustar a aplicação de acordo com esta prescrição, velocidade do robot e de acordo com o real volume da canópia presente no local de pulverização. De salientar, que este robot é competente para estimar a trajetória mais segura, tendo em consideração o declive do terreno e o centro de massa do robot e de se localizar autonomamente mesmo na ausência de sinais GNSS (GPS).  
O projeto PRYSM teve o financiamento do Projeto ESMERA, financiado através do programa Europeu H2020.
A dinâmica criada no departamento de I&D da Rocha e a proximidade com os distribuidores e clientes, permite o ajuste do produto às reais necessidades do mercado, como podemos verificar pelos seguintes exemplos.

Mittos 4 e 6 Faces
A pensar nas vastas áreas de cultura da vinha e no seu enorme potencial, o departamento de I&D desenvolveu o novo MITTOS 4 e 6 Faces. É um equipamento nebulizador rebocado, com capacidade para transportar entre 1000 e 3000 litros de calda de agroquímicos, com possibilidade de montar barra para 4 ou 6 faces. Dotado de geometria variável, elevação, abertura e fecho hidráulicos, este equipamento visa alcançar as três componentes mais importantes para ao sucesso, rentabilidade, eficácia e elevada qualidade na aplicação nos tratamentos fitossanitários. À semelhança de outros produtos Rocha, este modelo pode ser fornecido com computador.

 

Mittos DOURO
O projeto Mittos DOURO surge para fazer face as características específicas da região do Douro e da necessidade de um equipamento com maior eficiência e precisão.
A existência de patamares de dois bardos (tradicional) e mais recentemente de um bardo provocam enormes dificuldades aos tratamentos fitossanitários nas faces exteriores da parede vegetativa, esta situação deu origem a um processo de desenvolvimento de um equipamento preparado para trabalhar nos modelos de tratores vinhateiros e de rastos existentes na região. O nebulizador pneumático misto modelo Mittos Douro, construído nas capacidades 300 e 400 litros, equipado com uma barra de aplicação com elevação e abertura/fecho hidráulicas permitindo desta forma a perfeita adaptação e tratamento das faces exteriores dos bardos. À semelhança de outros produtos Rocha, este modelo pode ser fornecido com computador.

 

Em discurso direto
Sérgio Oliveira, Marketing Technician da Pulverizadores Rocha, sobre a aposta na inovação.

“Na Pulverizadores Rocha acreditamos que a agricultura esta a passar por uma revolução e que os próximos anos serão determinantes para o futuro da agricultura. Os desafios são enormes: a escassez de mão-de-obra, a necessidade de maior eficiência dos equipamentos, a aplicação seletiva de agroquímicos... no fundo a necessidade de uma agricultura mais sustentável.  Esta realidade é acompanhada pela estratégia da Política Agrícola Comum no pós-2020, que passa por um sistema alimentar mais saudável e sustentável, tornando essencial a racional gestão de recursos naturais e promovendo a transformação digital do setor, tornando-o mais moderno e sustentável.
A tecnologia já faz parte do dia a dia de grande parte das explorações agrícolas, apesar do longo caminho que todos os agentes envolvidos no processo têm de fazer rumo ao futuro.
É dentro deste contexto que a equipa de I&D da Pulverizadores Rocha em conjunto com entidades externas como o INESC TEC, ESAD, Universidade de Valladolid (EECAS), entre outras, tem trabalhado para desenvolver soluções cada vez mais eficientes, mais precisas, mais sustentadas e adaptadas às reais necessidades do mercado. Acreditamos que a relação entre academia, fabricantes e utilizador final será determinante para os avanços da agricultura nos próximos tempos. Na Rocha continuamos a trabalhar em novos produtos e esperamos em breve apresentar mais novidades.
O Futuro passa seguramente pela aposta na Inovação e pela capacidade de disponibilizar um conjunto de equipamentos capazes de responder às reais necessidades do setor.”

 

Aproveite a nossa promoção e assine a revista por apenas 20€.
Válida até 15 de julho 2021.

Pesquisa

Vídeos mais vistos