Notícias

Produto

Lamborghini Sprint e SAME Delfino são novas apostas do grupo SDF

25/05/2020

Em boa verdade, são máquinas idênticas que repartem as mesmas bases e blocos motorizados Perkins, diferindo apenas na disposição das grelhas frontais, cores e logótipos. Qualquer das gamas Sprint e Delfino, com versões 50 e 60, assentam em motores de quatro cilindros da com uma cilindrada de 2.200 cm³ e injeção “common rail” de controlo eletrónico.

A conformidade dos motores com a Fase V de emissões é obtida com a adoção de um catalisador DOC e um filtro de partículas DPF passivo (ambos sem necessidade de manutenção). Tais blocos geram, respetivamente 51 (versões 50) e 59 cv (versões 60) a 2.600 rpm, enquanto o binário máximo, de 145 e 170 Nm, já está disponível a 1.600 rpm. Graças a esse desempenho, os novos motores garantem elevado desempenho, mesmo em regimes de rotação baixos, seja na utilização em fileiras, estufas, ou na manutenção de áreas verdes.

Tanto o Lamborghini Sprint como o SAME Delfino estão equipados com um arco de segurança dianteiro rebatível de dois montantes, mas também podem ser fornecidos com uma cabina espaçosa de alta visibilidade com apenas 4 montantes, projetada pelo fabricante nomeadamente para esta gama. Ambos podem ser oferecidos em versão rebaixada especial, com pneus traseiros de 20”, o que o torna ainda mais ágil em espaços estreitos e nos trabalhos sob a ramagem.

O espaço amplo e aprimorado do posto do operador e o elevado nível ergonómico dos comandos garantem um excelente conforto, valorizado nas versões com cabina com um sistema de ar condicionado eficiente. A distância entre eixos de 1.800 mm e o ângulo de viragem amplo garantem uma excelente capacidade de manobra, mesmo nas fileiras mais estreitas.

Bloqueio de diferenciais

No que respeita à transmissão, totalmente sincronizada, permite alcançar 30 km/h com o motor em rotação parcial. Como padrão, são fornecidas 12 velocidades para cada sentido de marcha, que pode ser implementada como uma opção em 16+16 com o super-redutor, que também permite trabalhar a apenas 260 metros por hora, mantendo o motor na rotação máxima. Graças ao bloqueio em 100% de ambos os diferenciais, acionáveis simultaneamente com um botão cómodo, estes tratores garantem o desempenho máximo de tração, mesmo nas situações mais difíceis. O uso da caixa de velocidades é muito simples e fácil, graças à localização das alavancas de controlo em uma posição ergonómica logo sob o volante.

A tomada de força é de 540 rpm e, como opção, é possível adicionar a modalidade 540 ECO, ou a 1.000 rpm, para além da sincronizada. Também disponível como opção é a TDF dianteira de 1.000 rpm com engate eletro-hidráulico e a ventral de 2.000 rpm. Além disso, a pedido, há também o elevador dianteiro de 600 kg, que permite trabalhar com eficiência mesmo com acessórios dianteiros pesados.

O sistema hidráulico inclui uma bomba de 30 l/min para o elevador de 1.200 kg de capacidade e para as tomadas hidráulicas, que na versão mais completa incluem 6 vias traseiras, mais duas duplicadas na frente, assim como as ventrais. Uma bomba adicional de 15 l/min para a direção assistida garante máxima fluidez de manobra, mesmo em baixas rotações do motor e com cargas pesadas.

Pesquisa

Vídeos mais vistos

RECEBA A NOSSA NEWSLETTER
SIGA-NOS
Rua Nelson Pereira Neves, Lj 1 e 2
2670-338 Loures - Portugal
abolsamia@abolsamia.pt
T (+ 351) 219 830 130
abolsamia, 2020 © Todos os direitos reservados | Avisos Legais | Política de privacidade