Notícias

Conteúdo patrocinado

Plano Tractomoz: Muge+4

12/02/2021

A Tractomoz, concessionária da marca John Deere em Portugal para os distritos de Évora, Portalegre, Beja e concelhos de Benavente, Coruche, Salvaterra de Magos, Almeirim, Chamusca e Alpiarça, e com sede em Estremoz, contava já com filiais em Évora, Beja, Ferreira do Alentejo, e Coruche. No dia 18 de maio de 2020 inaugurou as instalações da sua mais recente filial: Muge. O diretor da empresa, Luís Mendes, referiu em entrevista à abolsamia, a importância de marcar posição numa das zonas agrícolas mais importantes do país, adiantando ainda um plano de criação de mais centros de peças e assistência.

abolsamia: Há quanto tempo estavam estas novas instalações em estudo?
Luís Mendes: Desde 2011 que temos vindo a estudar e planear o tema, dando-se agora o consumar desse processo. É um investimento que prevemos ter amortizado em 15 anos, eventualmente, menos.

Porquê esta instalação havendo a de Coruche?
Para estarmos mais perto dos agricultores e dos empresários agrícolas numa zona de grande importância para a agricultura do nosso país: o centro do Ribatejo. Sentimos a necessidade de estar ainda mais perto do nosso cliente devido ao serviço de pósvenda e procurando uma maior fidelização. Esta infraestrutura enquadra-se num plano que temos de criação de vários “centros” que nos permitam estar mais próximos dos clientes.

Pode adiantar mais sobre estes novos centros? Quais as localizações previstas?
Se correr tudo bem, queremos ter um em Portalegre, Almeirim, Bombel, Ponte Sor... Não quer dizer que sejam do tamanho deste, podem ser estruturas mais pequenas e muito viradas para assistência e a venda de peças.

Qual o prazo para finalizar este plano?
5 anos. Tudo tem o seu tempo, as coisas têm de ser feitas com calma e serenidade.

Pesquisa

Vídeos mais vistos