Notícias

Floresta

Iotrees, a Internet das árvores

17/07/2017

O projeto Iotrees, como é apelidado, consiste num dispositivo eletrónico dotado de sensores, que se instala nas árvores com o objetivo de medir diversos parâmetros-chave com periodicidade regular.

“Uma vez por mês, este aparelho acorda e transmite informação acerca da árvore [o diâmetro do tronco ou evolução do crescimento da árvore, por exemplo] através de uma rede de telemóvel ou via satélite”, explicou Enda Keane, CEO da Treemetrics. Pode também ser usado para contabilizar o número de insetos capturados numa armadilha com feromonas, e transmitir regularmente essa contagem para análise.

O Iotrees permite fazer a recolha e transferência de um grande volume de informação (Big Data), que deverá depois ser processada de forma a ter uma utilidade prática, numa abordagem a que podemos chamar de floresta de precisão. Com base nessa informação, os gestores florestais podem por exemplo monitorizar a sanidade dos povoamentos, fazer estimativas de crescimento das árvores, e tomar decisões com base em medições concretas. Este projeto contou com o envolvimento da Agência Espacial Europeia e da IBM, entre outras entidades.

A solução IoTrees fornecerá um novo nível de medição florestal, tendo aproveitado as tecnologias IoT mais recentes nessa altura como LPWAN, Satcom e ferramentas de análise baseadas na web. A solução SatCom tinha como missão superar esse problema e fornecer a comunicação necessária para os sensores de medição. As árvores medidas eram geo-localizadas garantindo que as imagens de monitoramento de satélite e drones pudessem ser acopladas. 

Site do fabricante

Pesquisa

Vídeos mais vistos